Media  |
Fale  |

Filmes
Carruagens de Fogo

Um dos melhores filmes da década de 80 e um dos mais premiados: foram quatro Oscar em 1982 (Melhor Filme, Roteiro Original, Melhor Figurino e Melhor trilha sonora, com a mundialmente conhecida trilha sonora de Vangelis, tocada sempre em grandes competições e em todas as Olimpíadas) e mais três indicações ao grande prêmio. Este filme foi considerado um dos melhores por demonstrar a importância da amizade e o mais importante: que o principal não é ser sempre o primeiro, mas sim participar e demonstrar que a união entre as pessoas é o mais importante.
FICHA

"Carruagens de Fogo"
Título original:
"Chariots of Fire"
Produção Britânica, 1981, 124 minutos.

Elenco:
Nicholas Farrell
- Aubrey Montague
Nigel Havers
- Lord Andrew Lindsay
Ian Charleson
- Eric Liddell
Ben Cross
- Harold Abrahams
Daniel Gerroll
- Henry Stallard
Ian Holm
- Sam Mussabini
Nigel Davenport
- Lord Birkenhead

Diretor:
Hugh Hudson
Escritor:
Colin Welland
Produzido por:
James Crawford, Dodi Fayed, David Puttnam e Jake Eberts
Música original:
Vangelis (Vangelis Papathanassiou)
Diretor de Fotografia:
David Watkin
Edição:
Terry Rawlings
Diretor de Arte:
Jonathan Amberston, Len Huntingford, Anna Ridley e Andrew Sanders

Distribuidora: Enigma Productions / Allied Stars Ltd.

Gênero:Drama, Esporte

Irei contar um pouco mais sobre excelente filme: O filme retrata a época das Olimpíadas de 1924 que foram realizadas em Paris. Iria ser apenas a 6ª Competição Olímpica da Era Moderna. Logo no início, vemos uma missa em memória do recém- falecido Harold Abrahams, um dos corredores e personagens principais. A partir daí, o filme volta à época de 1924, para assim contar a história dos personagens. A equipe do Reino Unido está prestes a ser formada para a competição. Dois jovens: Eric Liddell (Ian Charleson), um missionário escocês bastante devoto e Harold Abrahams (Bem Cross), filho de família judia, que procura a ascenção social, são os personagens principais que tentarão disputar os jogos.

Liddel é um jovem brilhante e que possui um talento natural para a corrida, mas sofre pressão por parte da família para se dedicar mais a sua religião e Abrahams que procura ajuda de um personal-trainer para ajudá-lo a conquistar uma vaga nos jogos. Acontece que o técnico de Abrahams possui sangue italiano e árabe e por isso enfrenta bastante preconceito de seus pais e da sociedade judia, o que só aumenta a sua determinação para conquistar a vitória. A história do filme mostra o treinamento dos dois e a convivência com os demais colegas e o senso de amizade.


Uma das competições das eliminatórias é marcada para domingo, considerado um dia santo para Liddell, e assim ele se recusa a participar. Uma das partes mais marcantes do filme é o que vemos a seguir, quando um dos competidores sabe do acontecido e resolve dar a sua vaga na disputa dos 400 m para Liddell, mostrando a importância da união entre as pessoas. Liddell vence a corrida e assim os dois conseguem a classificação para as Olimpíadas.

Podemos perceber durante o filme a determinação inabalável que os dois possuem para tentar a classificação a qualquer custo para as Olimpíadas, mesmo porque os dois sabem que se conseguirem se classificar, terão o reconhecimento que qualquer jovem daquela idade busca na sociedade.

Uma das cenas inesquecíveis neste filme são as clássicas montagens dos corredores treinando na praia ao som da brilhante trilha sonora de Vangelis, um verdadeiro clássico.

Ao assistirmos o filme “Carruagens de fogo”, percebemos que o mais importante não é vencer, como disse anteriormente. O que é mais importante é a possibilidade de demonstrarmos respeito ao próximo e a paixão por competir, o que muitos esportistas na atualidade infelizmente não demonstram e que deveriam considerar antes de participar de um evento tão importante como as Olimpíadas.

Um filme que merece ser visto e revisto por todos os apaixonados em esporte e pelos que procuram inspiração para conquistar algo em suas vidas.

Curiosidades:
- Embora não se tenha maiores detalhes na história do filme, Liddell ganhou bronze nos 200 m e Abrahams ganhou medalha de prata com a equipe de revezamento 4x100m.

- “Carruagens de fogo” recebeu vários prêmios e indicações ao Oscar, como mencionei no início. Outros prêmios ganhos pelo filme: Conquistou em 1982 o Bafta Film Awards de Figurino, Melhor filme e Ator Coadjuvante; Ganhou o Anthony Asquith de Música em Filme; Ganhou o Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro; Ganhou o prêmio de Júri Ecumênico de melhor ator coadjuvante (Iam Holm) e foi indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes.

 


Reynaldo Rivero